Violão carioca: Nas ruas, nos salões, na universidade – uma trajetória

R$47,50


Categoria:

Descrição

No século XX, sem dúvidas, este instrumento pode vencer algumas dificuldades, pois encontrava-se num grande círculo vicioso, como narra José de Azpiazu “por um aspecto faltava literatura para o instrumento, por outro havia a falta de intérpretes para executá-lo”. Foi assim que, com Segovia, compositores do mundo inteiro dedicariam uma parte do seu gênio criador ao violão. Aliado a isso, seguiria Segovia como brilhante intérprete, compositor e transcritor, que com seu trabalho paciente deixaria também uma esplêndida literatura violonistica, promovendo então o instrumento ao nível de grandeza em que se encontra hoje na cultura musical. O compositor espanhol Manuel de Falla foi o primeiro compositor célebre a escrever para o Violão. De sua autoria, surgiu a obra para violão solo intitulada Homenagem ao Túmulo de Claude Debussy, um tributo ao imortal compositor francês que tanto amava a música espanhola e o violão.

Reviews

Reviews

Ainda não existem reviews publicados.

Seja o primeiro a avaliar “Violão carioca: Nas ruas, nos salões, na universidade – uma trajetória”