Categoria:

Descrição

Todo texto literário compõe-se de certezas e incertezas. O escritor oferece informações precisas e concretas sobre o tema que está desenvolvendo, mas esses dados nunca estão completos. São pistas para o leitor seguir, com muitos espaços em branco para serem preenchidos. O trabalho de leitura é o de complementar os vazios do texto, de acordo com a experiência e a individualidade de quem lê. Assim, o leitor é também criador, pois recebe a obra inacabada e dá a ela a feição que melhor serve para si. E que não é a única, uma vez que cada um faz isso a seu modo.

Reviews

Reviews

Ainda não existem reviews publicados.

Seja o primeiro a avaliar “Borboleta na Gaiola”