Evidência científica: ensino, produção e reflexão Voltar

Evidência científica: ensino, produção e reflexão
De R$ 50,00 Por R$ 45,00

Beatriz Deoti; Luiz Armando; Fabiana Versiani; Matheus Serino; Lucas R. Souza

Autor:

Beatriz Deoti; Luiz Armando; Fabiana Versiani; Matheus Serino; Lucas R. Souza sobre o autor

Caracteristicas do Livro:

ISBN: 978-85-518-0670-8

Páginas: 300

Ano de publicação: 2017

Tamanho do livro:

Descrição do Livro:

Evidência científica são duas palavras indomáveis, mágicas, e ainda um horizonte não atingido plenamente. Evidência é uma característica do que é claro, certo e comprovado. Científico é o que é específico de uma profissão. Esse processo não é novo e o conceito foi lançado na década de noventa do século passado e completou 30 anos em 1999. E porque essa busca incessante de evidência científica? Por que ela é tão antiga e ainda não é plena? Estamos no caminho certo? Fazer saúde baseada em evidência continua um grande desafio, primeiro porque a doença faz parte da evolução humana: o Homem nasce, às vezes nasce doente, cresce, reproduz, adoece e morre; segundo é importante lembrar que a doença tem “História Natural da Doença” e terceiro o mundo busca um sistema de saúde eficiente e de baixo custo, tema em aberto, pois se é difícil o consenso para o conceito de saúde, imagine o consenso sobre o modelo ideal de organização de um sistema de sáude bem como das distintas proposições políticas e teóricas sobre a concepção de saúde pública também compreendida como saúde comunitária, medicina preventiva e social e promoção da saúde. Um conjunto de instituições de saúde desarticulado não constituem um sistema e muito menos um Sistema Único de Saúde (SUS), que no momento não é único. Segue concretizada esta obra, onde os graduandos em Medicina participaram como autores dos capítulos, aprendendo profundamente sobre o assunto. Como consequência, fica afastado o modismo e plantado a semente do desenvolvimento da visão crítica sobre o assunto e a tentativa de cercar a deformação da aplicação de um bom método de ensino, que surgiu nos meios universitários e que nunca teve repercussão fora deste meio. Esse treinamento instrumentalizará os alunos a iniciarem a caminhada do entendimento de quem é o principal interessado na Medicina baseada em Evidência Científica e qual a repercussão desta conduta médica no sistema de saúde. É necessário que a classe médica repense seu papel histórico e atual, afinal de contas, a medicina surgiu para prevenir, diagnosticar e tratar as doenças. A partir do momento em que algum destes itens ocasionam um equívoco no seu encaminhamento, em uma década moderna e de alta tecnologia, eles comprometem a confiabilidade médico-paciente e a razão da relação.